Campanha “Homens que Amamos” da Risqué gera polêmica nas redes sociais

Marca lança nova linha de esmalte inspirada "nos homens que fazem a diferença na vida das consumidoras” e a internet não perdoa. Confira algumas reações aqui!
risqué Homens que Amamos

Foto - Divulgação

Não é de hoje que as marcas pecam quando o assunto é campanha publicitárias para o público feminino. E parece que a gafe da vez ficou por conta da Risqué, que recheou de sexismo (mais especificamente machismo) a nova linha de esmalte Outono/Inverno 2015, “Homens que Amamos”, que está gerando polêmica nas redes sociais. 


Controversa, a campanha não agradou a mulherada que ‘xingou muito no Twitter’ ao ver ações corriqueiras do dia a dia enaltecidas como atitudes pra lá de nobres. E enviar uma mensagem e fazer um jantar são gestos que ligam os casais, mas não mudam nossas vidas. Afinal, até quando as tarefas de uma casa serão consideradas uma atividade única e exclusiva das mulheres? 

Os textos presentes na campanha conseguem generalizar e tratar as mulheres de maneira fútil, reduzindo nossas ‘grandes paixões’ à esmaltes e homens. A internet que, óbvio, não perdoa tais deslizes deu sua resposta quase que instantaneamente. Confira aqui a reação de algumas mulheres sobre a campanha: 

risqué Homens que Amamos

Foto - Reprodução/Twitter

risqué Homens que Amamos

Foto - Reprodução/Twitter

risqué Homens que Amamos

Foto - Reprodução/Twitter

risqué Homens que Amamos

Foto - Reprodução/Twitter

risqué Homens que Amamos

Foto - Reprodução/Twitter

 E aí, o que você achou da abordagem da marca?  

Por Paula Perdiz 

Comente

Assuntos relacionados: machismo sexismo feminismo Paula Perdiz