Boa noticia: Carrefour acabará com sacolas plasticas

No próximo dia 15 a Rede de Supermercados Carrefour anunciará em sua loja de Piracicaba, cidade do interior paulista, o fim da distribuição das sacolas plásticas em suas lojas nos proximos 04 anos.

Para Paulo Pianez, diretor de Sustentabilidade da empresa, o projeto vai ajudar na conscientização.?Esta é uma contribuição de grande importância para o Carrefour, por estar diretamente ligada ao seu negócio e possibilitar ao cliente o engajamento no consumo consciente?.

Para incentivar os clientes, o grupo vai oferecer opções de embalagens sustentáveis como caixas de papelão, sacolas retornáveis e um sacola biodegradável que se degrada em até 18 semanas. Uma sacola comum demora até 300 anos para se decompor. As pessoas que preferem as tradicionais sacolas plásticas podem optar por embalagens de plástico reciclado, que deverão ser compradas.

Montes de cumprimentos e abraços ao pessoal do Carrefour e à outras redes como a Wal-Mart por exemplo que também caminhará nessa direção e eliminirá suas sacolinhas até 2013.

Em tempos em que a construção civil também se preocupa com questões ambientais - vejam por exemplo os condominios verdes que já adotaram soluções bastante eficientes como reutilização da água servida, aquecimento solar e eletricidade gerada por equipamentos aeólicos - bem que poderia passar a ser obrigatório o uso do triturador de alimentos nas pias das cozinhas dómesticas, numa paulada só se economizaria centenas de sacolinhas.

E eu tenho meu testemunho pessoal a dar. Aqui em casa já adotamos as ecobags - algo bem mais prático que as sacolinhas e alivia nossa consciencia ambiental - mas só que vez ou outra temos que trazer as sacolinhas do mercado pois a pergunta é: acondicionar nosso lixo onde? Penso que poderiam colocar a venda sacos para lixo de outra matéria que não a plástica, do tipo biodegradável, enfim não adianta só uma ponta da sociedade - quero dizer o Carrefour e os usuários das ecobags - preocupar-se com esse assunto, é preciso engajamento de todo mundo na busca de soluções adequadas à limpeza do planeta.

Dou duas dicas.

Primeira: ao comprarem produtos em pequenos volumes levem na mão mesmo, recusem as sacolinhas. Não é tão desconfortável carregar na mão uma pasta de dente, cem gramas de presunto ou um quilo de café em suas embalagens originais. E além disso tira-se das costas da Mãe Natureza o esforço de eliminar uma sacolinha, esforço esse que, já se disse, dura 300 anos.

Segunda: o papel higienico de boa qualidade, aquele bem absorvente, dilui-se muito fácilmente e por isso pode ser jogado no vaso sanitário após o uso e seguir o mesmo caminho dos demais detritos. Isso representa menos lixo para ser acondicionado, menos sacolinhas. 

A Terra e os que virão depois de nós mandam um abraço de agradecimento.

Fiquem em paz.

Jonas

Comente