Yoga facial

Yoga facial

Divulgação

Você já sabe que exercícios faciais ajudam a manter a pele do rosto em dia, certo? Mas já se imaginou fazendo yoga facial? Pois a prática, assim como a de outros exercícios para o rosto, existe e pode trazer resultados que você vai adorar.

Victor Lino, mestre de yoga do centro Prakriti, com sede em São Caetano do Sul e Santo André, na grande São Paulo, explica que o yoga facial nada mais é do que uma seleção dos exercícios do yoga tradicional que agem mais intensamente na área do pescoço e da cabeça. Auto-massagem e suaves toques podem fazer a diferença nas linhas de expressão e na própria pele. Mas essa espécie de ginástica facialcombina os exercícios com as posições do yoga e os métodos de respiração, característicos da prática.

Segundo ele, a prática regular reduz acne, marcas de expressão e a oleosidade da pele. Além disso, aumenta o rubor e a oxigenação dos tecidos, e ainda fornece os nutrientes necessários para a manutenção da saúde. "Como as técnicas atuam na cabeça de forma geral, temos também melhora da memória, no raciocínio e até no humor", conta. Esse tipo de yoga ainda estimula o sistema endócrino e, como melhora a circulação sanguínea no rosto, há aumento do tônus muscular e consequente maior tonicidade na pele.

Yoga facial

Divulgação

Victor diz que yoga facial pode ser feita por qualquer pessoa, de qualquer idade. "Vale lembrar que, quanto antes começar, por mais tempo é possível manter o aspecto de jovem do rosto", promete. Alguns exercícios são contra-indicados para pessoas com hipertensão arterial.

O mestre oferece workshops há mais de três anos, mas todos os exercícios podem e devem ser feitos em casa!

No livro Yoga Face (Editora Penguin, 2007, disponível apenas em inglês aqui no Brasil), é possível saber mais sobre o tal ‘yotox’ - mistura divertida de yoga com Botox. A prática, segundo o livro, é um método alternativo anti-idade que pode ser feito em minutos. A instrutora de yoga Annelise Hagen, autora da obra, explica que os exercícios são baseados num princípio simples: os músculos da face não são diferentes dos músculos do resto do corpo. Se você não os exercita, eles ficam flácidos com mais rapidez.


Annelise apelidou os exercícios - que são caretas engraçadas - com nomes como "Satchmo", em reverencia ao sorriso de Louis Armstrong, "Kiss", lembrando beijos de Marilyn Monroe e "Lion Face", por exemplo. No livro é possível encontrar mais de 75 fotos instrutivas que prometem uma solução efetiva para ajudar mulheres a voltarem o "relógio" e garantirem uma pele jovial e bonita. Pelo menos a tentativa não dói - e nem injeta nada no rosto. Mal não faz.

Por Sabrina Passos (MBPress)

Comente