Sobrancelhas Fio a Fio: em busca da perfeição

Conheça a técnica que vai te ajudar a ter as tão sonhadas sobrancelhas perfeitas

A busca pela beleza faz com que a cada dia, mais e mais mulheres procurem, além de outras coisas, ter as sobrancelhas perfeitas. Para isso lançam mão de diversos recursos que também têm evoluído e se destacando entre eles a técnica de micropigmentação que chamamos de sobrancelhas fio a fio.

No início do uso das sobrancelhas definitivas havia apenas as sobrancelhas compactas, bem marcadas e definidas, mas o efeito visual era mais artificial. Com a necessidade de trabalhos mais naturais, foi desenvolvida a técnica esfumada, deixando as sobrancelhas menos marcadas e com aspecto mais suave.

A busca incansável pelo realismo levou profissionais do mundo todo a buscarem soluções para deixar as sobrancelhas cada vez mais naturais.

Foi esta busca que alavancou a técnica 'fio a fio', onde se faz o desenho de cada fio individualmente, acompanhando o crescimento natural dos fios da mulher. A ideia é colocar fios onde a cliente não tem, e fazê-los de forma a confundirem-se com os naturais.

Para isso são usadas agulhas ultra-finas e de 1 a 3 cores de pigmentos para um efeito 3D, conforme avaliação do profissional.

Sobrancelhas fio a fio - antes e depois


 

As sobrancelhas fio a fio podem ser executadas de duas formas: com o uso do dermógrafo (aparelho elétrico com agulha de 1 ponta) ou o Microblading, popularmente chamado de Tebori , técnica milenar japonesa já utilizada em tatuagens (aparelho manual com várias agulhas dispostas linearmente).

Os dois aparelhos, porém, utilizando-se técnicas diferentes, podem reproduzir fios perfeitos, aproximando muito a sobrancelha do seu formato e aspecto natural.

É possível ainda, corrigir trabalhos antigos e cores indesejadas (azul, verde, laranja) e designs mal feitos, porém, a escolha do profissional deve ser minuciosa, pois ele deve ser capacitado, com cursos de especialização e a experiência é imprescindível. 

As sobrancelhas feitas com a técnica de fio a fio tem durabilidade menor, por ser mais delicada e superficial, dura em média de 8 meses à 1 ano,  e devem ser retocadas após esse período.

Regiane Lapetina é Cabeleireira, e Professora de Micropigmentação e Micropigmentadora Profissional, proprietária de salão de beleza na cidade de Santos/SP (Infinity Espaço de Beleza), formando turmas de micropigmentação e design em todo o Brasil.

Comente