Peeling de platina

Peeling de platina

Toda mulher sonha em ter uma pele jovem e saudável por mais tempo. Pensando nisso, a indústria da beleza procura inovar cada vez mais a fim de deixar esse sonho mais próximo. Uma das novidades da área é o peeling de platina capaz de atenuar de maneira eficaz as marcas de tempo que começam a aparecer no seu rosto.

O produto desenvolvido com nanotecnologia promove uma escamação da pele, ao mesmo tempo em que a platina age diretamente no colágeno e elastina para reconstituí-la. Dessa forma, a pele ganha mais luminosidade e elasticidade, além da visível redução de rugas e linhas de expressão.

Quer saber como é feita a técnica? A aplicação consiste em duas etapas distintas. Na primeira parte é realizado o lixamento da pele, que tem a finalidade de promover a descamação, a platina entra em pó, tão fino (fragmentado) que uma parte é absorvida pela pele, fazendo com que o processo de microtraumatização ocorra mesmo depois de a esfoliação mecânica ser concluída. É como se a pele sofresse um trauma e, naturalmente, o organismo enviasse colágeno, elastina e fibroblastos para recuperá-la. Na segunda etapa, ela vem em forma de fibras, que agem por oito horas na pele e ajudam na renovação celular.

Na segunda etapa do procedimento, a platina em forma de fibra é aplicada na pele a fim de promover a renovação celular. Essa etapa começa com uma higienização facial feita com um sabonete à base de ácido glicólico a 10%. Depois da limpeza da pele e remoção do sabonete, é realizada a esfoliação manual com microfragmentos de platina misturadas a uma solução ativadora para esfoliar e reparar a pele, simultaneamente. Aplica-se o pré-peeling, que consiste na abertura e no afinamento da pele, ativando-a para o recebimento dos peptídeos nanoencapsulados e, em seguida, o profissional aplica as fibras de platina com uma solução ativadora remineralizante, que fica em repouso no rosto por 15 minutos.

Para finalizar, o pós-peeling fica por conta de um creme protetor, que cria uma capa impermeável para fixar os princípios ativos no processo de regeneração da pele, que leva sete dias para se completar.

Por Paula Perdiz

Comente