Fonocosmética ajuda no tratamento contra rugas

Fonocosmética ajuda no tratamento contra rugas

Mais uma novidade chega ao mercado do tratamento das rugas e, dessa vez, nada de aplicação de agulhas ou outros procedimentos dolorosos. O segredo está nas pedras semipreciosas, que, além de tratar dos cabelos - como no caso da escova de Turmalina - acabam trazendo algumas propriedades que prometem sumir de vez com aquelas ruguinhas que insistem em aparecer na pele.

A pedra da vez é o Opala, que, transformado em pó e misturado a um tipo específico de creme, ajuda a cicatrizar as rugas em um processo chamado de "fonocosmética".

Tudo começou com a descoberta da tecnologia na Ilha de Malva, no sul da Itália. Primeiramente ela foi testada em um típico problema odontológico chamado de doença periodontal (no qual há a retração da gengiva do paciente). Os cientistas colocaram o pó do cristal da Opala, um pó branco quase transparente, em moldeiras utilizadas para clareamento, cobrindo os lugares onde havia retração. O resultado foi um crescimento significativo da gengiva.

"Como gengiva é 80% feita de colágeno e nossa pele também é rica dessa substância, os cientistas pensaram ‘bom, se é capaz de atrair células na gengiva, talvez consiga fazer o mesmo na pele’ e aplicaram o pó de cristal nas rugas. Depois de 28 dias notaram que elas desapareceram completamente", conta Maurício Gaspari Pupo, professor de Cosmetologia e diretor da Consulfarma Assessoria Farmacêutica, em Campinas.

A partir dessa descoberta, Maurício trouxe em primeira mão a tecnologia dos cristais de Opala para o Brasil, tornando-o pioneiro na produção de cremes com cristais de Opala, chamados de primer. Se o nome parece familiar, é porque esse primer é o mesmo que você utiliza para preparar a sua pele para receber a maquiagem. A diferença é que o primer comum não possui o ativo.

O tratamento para rugas consiste na aplicação do pó de opala diretamente no problema. Simples não? O cristal do Opala é capaz de emitir vibrações sonoras, inaudíveis pelo ouvido humano. Essas micro-ondas agem como um radar na pele, atraindo para o local de aplicação, fibroblastos (celular produtoras de colágeno) produzidos pelo próprio organismo.

Fonocosmética ajuda no tratamento contra rugas

Opala. Foto: divulgação.

Os fibroblastos, uma vez realocados, passam a produzir colágeno bem onde estão as rugas, resultando em uma pele sem lisinha e, de quebra, com a flacidez visivelmente diminuída.

Maurício recomenda que o creme seja aplicado duas vezes ao dia, pela manhã e à noite, sempre após a limpeza da pele que deve ser feita com lavagem, tonificante e, só aí, a aplicação do primer. "Dentro de 28 dias de aplicação já dá para notar um resultado significativo." Após esses 28 dias, a escolha de continuar com a aplicação do produto depende unicamente de você. "Como todo tratamento antirrugas e de beleza, quando você considerar que o resultado está satisfatório, você pode parar a aplicação", afirma Maurício.

"Quando você notar que as rugas estão de volta, você pode começar a aplicar novamente", ensina o profissional. "Hora que sentir que deve começar de novo, começa", completa.

O melhor de tudo é que o produto não tem riscos de causar alguma alergia ou quaisquer outras complicações, afinal, o ativo é natural. Isso só muda se, caso a sua pele seja sensível a algum composto do primer. "Pode-se utilizá-lo eternamente porque não tem efeito colateral", garante o especialista. "A não ser que você tenha alergia a algum outro componente da formulação do primer", ressalta.

Além disso, você pode aplicar tranquilamente hidratantes e protetores na pele, em cima do primer. "Quando a pessoa aplica algum creme hidratante ou mesmo filtro solar, ela aplica por cima do primer, como se fizessem um processo de selagem. O primer continuará atuando até a hora de tomar banho", garante Maurício. "Se, por exemplo, você ficar sete dias sem tomar banho, o cristal irá atuar durante esses sete dias. Enquanto não lavar ele continuará com a ação", completa.

Se você está preocupada que o produto fará apenas uma "camuflagem" no rosto, Maurício conta que você pode ficar despreocupada, porque "não é um efeito cinderela. O preenchimento é feito por dentro".


Por enquanto o produto é tão novidade que não está disponível para vendas em lojas de cosméticos, mas ele pode ser encontrado em algumas farmácias de manipulação. Cada potinho de 30 gramas pode custar entre R$ 80 e R$ 120, mas o preço dependerá bastante da farmácia.

Por Tissiane Vicentin (MBPress)

Comente