Depilação no buço

Depilação no buço

Foto: Shutterstock

Está ai uma região do corpo que a depilação jamais pode vencer porque as evidências são claras: o buço. Certas ocasiões os pelinhos são visíveis apenas diante de nossos olhos. Outras, qualquer um nota e faz questão de focalizar neles durante uma conversa. E não tem momento mais constrangedor a uma mulher que esse, não é verdade?

E dependendo do método depilatório escolhido a dor torna-se inevitável, que vem ainda acompanhada de vermelhidão e irritação na pele por longos períodos. O procedimento de beleza, porém, pode ser tranquilo de se fazer até em casa. Basta alguns cuidados simples, antes, durante e depois, seja com o uso do creme depilatório, pinça e cera quente ou fria.

Antes de tudo, escolha o método mais eficaz e confortável para você. A retirada do pelo do buço com pinça, por exemplo, é feita fio a fio e reduz as chances de machucar a pele ou causar manchas. Para evitar beliscos, a formação de pelos encravados ou a vermelhidão, segure o pelo com firmeza e puxe-o. Assim, a pinça consegue removê-lo pela raiz sem quebrá-lo.

Quem preferir os cremes depilatórios, rápidos e eficazes, deve se atentar a química do produto, que pode provocar queimaduras na pele. O ideal é contar o tempo de aplicação no relógio, removendo o creme da pele com água fria após apenas três minutos.

O calor da cera quente reduz a sensação de dor da depilação, em contrapartida, deixa a pele mais sensível e desprotegida. Por isso, a cera quente de mel - mais indicada para a área - não deve ser aplicada mais de uma vez na mesma região.

Caso você se arrisque sozinha, espalhe a cera de uma vez sobre a área a ser depilada, pressione levemente com os dedos para fixá-la. Em seguida, puxe no sentido contrário ao crescimento do pelo. Sobrando algum pelinho residual, aposte na pinça para dar o acabamento.

Já a depilação com cera fria é mais agressiva à cútis e costuma ser mais dolorida. Por isso, não é indicada para peles sensíveis. A técnica aumenta o risco de vermelhidão e o surgimento de manchas no local. A aplicação é a mesma da cera quente, não podendo ser repetida várias vezes sobre uma única área. Caso haja pelinhos teimosos, o melhor é removê-los com pinça depois.

Pós-depilatório

Depois de remover todos os pelos, seja com qualquer método de depilação, aplique uma pomada calmante ou cicatrizante para reduzir a possibilidade de vermelhidão e não dispense o filtro solar.

Nesse dia, evite o uso de maquiagens e cosméticos com ácidos, que tornam a pele muito sensível e aumentam as chances de reações adversas, assim. É preferível usar sabonetes cremosos, no próprio banho, que tenham hidratantes na própria composição.


Por Natália Farah

Comente