Cirurgia plástica para aumentar os lábios

labios

A marca registrada de Marilyn Monroe, Brigitte Bardot e outras divas de cinema atuais como é Angelina Jolie são os lábios sensuais e carnudos. Hoje, ter uma boca mais volumosa é assunto de cirurgia plástica.

De acordo com o dr. Robert Jan Bloch, membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, o preenchimento dos lábios é feito em mulheres que desejam ter uma boca mais sensual e também resolve o problema das rugas que se formam com o passar dos anos.

“Há várias substâncias que podem ser utilizadas para dar mais volume à boca. Desde a gordura da própria paciente, retirada através de lipoaspiração, até o polimetilmetacrilato (PMMA) e o ácido hialurônico, disponível com vários nomes comerciais, como Restylane e Zyderm. Todos dão bons resultados, sendo que a gordura apresenta rejeição zero”, diz Bloch.

No entanto, o cuidado básico para todo procedimento estético cirúrgico é a escolha de um profissional experiente: “Somente alguém gabaritado saberá dosar a aplicação, de modo a ficar simétrica e harmônica. Além disso, se mal aplicada, a substância poderá provocar infecção ou ainda o aparecimento de cistos - que deverão ser drenados por um cirurgião. O mais prudente é realizar o preenchimento de forma moderada e completar o processo após um mês, se necessário”, alerta Bloch.

Outra técnica também empregada na cirurgia de contorno labial é a queiloplastia, procedimento cirúrgico também conhecido como “bardotização” (referência à boca da atriz francesa Brigitte Bardot, símbolo sexual dos anos 60). “Retiramos uma estreita faixa da pele logo acima do lábio. Ao reposicioná-lo, ele ganha volume, ficando mais carnudo e sensual. Essa técnica pode ser empregada tanto no lábio superior, como inferior. Utilizamos anestesia local com sedação, sendo que a cirurgia dura em torno de uma hora e a paciente deixa a clínica no mesmo dia”, explica o cirurgião plástico.

A cirurgia plástica é sim solução para muitos problemas estéticos, mas não deve ser pensada como procedimento banal, por isso não deixe de avaliar muito bem a decisão de mudar seus traços. A escolha de um profissional gabaritado e a consciência de que realmente quer encarar a mudança em seu rosto garantem sua saúde física e emocional.

Por Karina Conde

Comente