Que blush usar?

Que blush usar

Duo Blush Compacto Rosa Vitage Opaco - Contém 1 g

O blush tem o poder de levantar a expressão e dar aquele “ar saudável” na maquiagem. Para abusar dele é preciso saber o “modo de usar”. Com a tecnologia e o crescimento da indústria de beleza, há uma imensa variedade de produtos com infinitas cores, brilhos e texturas. Há versões do produto em creme, bastão, mousse, líquido - e em tantas tonalidades que a pergunta maior é: como escolher o melhor para seu tipo de pele?

Para dar uma ajuda, o Vila Batom entrevistou o maquiador Orlando Rosseto do Estúdio RW Hair Design, de São Paulo, que explicou como escolher o produto ideal para cada tipo e tonalidade de pele. “A seca se adapta melhor aos blushes cremosos. Já a oleosa requer os blushes em pó. Para as loiras, a melhor opção são os tons rosados, para as orientais, os tons pêssego e, para as morenas, os de bronze”, ensina. Orlando sugere as marcas importadas MAC e Guerlain, na hora de escolher o produto preferido. Por aqui, a indicação dele é dos produtos da Contem 1g, que, segundo Orlando, tem ótimas cores!

Depois de escolhida sua cor, aplicar é fácil. “O ideal é lavar o rosto antes de iniciar a maquiagem, pois a oleosidade da pele sempre atrapalha. Se estiver na rua e não puder lavar o rosto, use um lenço para tirar o excesso de óleo e depois aplique a maquiagem”, ensina a maquiadora Raphaela Bahia, da clínica de estética Longevità, no Rio de Janeiro.

Não sabe que pincel usar? Orlando dá a dica: o ideal é usar um pincel de cerdas redondas. E ele ensina também como aplicar o blush. “Considere dois dedos abaixo da linha dos olhos e dois dedos acima da linha do maxilar, aplicando em movimentos ascendentes, de baixo para cima”.

[galeria]

O tipo de rosto também influencia na hora de aplicar a maquiagem. Para os ovais e redondos, o blush deve ser aplicado abaixo das maçãs, em sentido diagonal. Nos triangulares, aplica-se em cima das maçãs com movimentos circulares. Nos rostos mais finos, segue-se sempre a linha do maxilar, aplicando o blush paralelo a ele. E finalmente, para rostos quadrados e mais largos, o ideal é passar o pincel na região central das maçãs, também com movimentos circulares.

Se por um descuido, o produto foi aplicado em excesso, não se desespere. É só limpar o pincel e passar delicadamente na área que estava sobrecarregado e pronto, está resolvido.


As estações do ano também podem interferir na hora de escolher o blush ideal. Raphaela diz que, no verão, você pode apostar em tons alaranjados, pêssego e bronze com brilho. Já no inverno, o ideal é utilizar tons opacos, puxados para os tons terra. Não esqueça que para o dia, o melhor são as cores claras e opacas. À noite, pode abusar dos brilhos e pigmentos cintilantes. Agora que você está expert em blush, que tal completar o visual e sair por aí pra arrasar?

Por Tissiane Vicentin (MBPress)

Comente