Marcos Proença cria make no Simulador de Beleza

Marcos Proença cria make no Simulador

Olhos marcados, quem é que não aposta neste curinga? Só que nessa hora muita gente fica em dúvida como combinar a sombra, blush e batom, afinal, se bem feito o tripé básico da maquiagem faz maravilhas no seu rosto e, principalmente no seu olhar.

Para te ajudar nessa missão, chamamos ninguém menos que o maquiador Marcos Proença que testou e aprovou o nosso Simulador de Beleza.

Proença escolheu uma modelo morena e afirma que decidiu deixar o olho mais marcado nesse make.

"Esse tipo de maquiagem é uma das preferidas das mulheres que passam pelo salão. Para destacar os olhos, escolhi um blush marrom dourado, porém neutro, apenas para marcar e dar um ar saudável", informa ele.

Na boca ele também optou por um tom bem leve, o framboesa, para deixa o visual mais natural. "Nos olhos utilizei uma sombra preta esfumada em cima e bem suavemente abaixo. Para finalizar, o delineador e os cílios com volume. Já na pele, utilizei a base bege claro e o iluminador rosado como corretivo", descreveu.

Marcos Proença cria make no Simulador

Look "sessentinha" de Duda Molinos

Já o segundo make foi desenvolvido pelo cabeleireiro e maquiador Duda Molinos, que já maquiou as atrizes Grazi Massafera e Ildi Silva, além de ter participado de campanhas para grifes nacionais e internacionais.

Molinos escolheu uma modelo loira e diz ter dado um perfil "sessentinha" com um romantismo gráfico. "Aproveitei o cabelo preso e investi em um delineador suave e delgado mais ‘puxadinho’", explica ele. Já os cílios ele deixou preto, porém discretos, reforçando o canto externo dos olhos.

Para dar profundidade às pálpebras ele escolheu o marrom mais frio e clássico. De acordo com o Duda, o toque de contemporaneidade fica no batom coral bem pigmentado, de textura mate. "A maxbijux óptica se encarrega de reforçar a influência dos anos 60, dando peso ao look sem caracterizá-lo demais. Obviamente optamos por não usar brincos e deixar o destaque para o make e o colar", finaliza ele.

Por Stefane Braga (MBPress)

Comente