Maquiagem certa para morenas

Maquiagem certa para morenas

As peles morenas e negras necessitam de cuidados especiais e atenção redobrada na hora escolher a tonalidade certa das suas maquiagens. Para as mulheres que ainda têm dúvida sobre a melhor escolha na hora de fazer sua produção, nós separamos algumas dicas com Itamar Bethancourt, maquiador da Koloss.

De acordo com o profissional, no Brasil diferentes tipos de pele negra, por isso para fazer a cobertura das imperfeições antes de aplicar as cores da maquiagem é importante saber: "Para as mais escuras é interessante o uso do pancake, pois ele deixa a pele mais sequinha. Em peles negras mais claras, uma dica é ir de base e pó e depois aplicar o pancake, isso dependendo do estilo da pele - se for pele normal utilizar base e pó; se for oleosa usar pancake ou base extra leve".

Para dar vida aos traços do rosto, é interessante ficar atenta às cores e texturas da maquiagem, pois o pigmento tende a não aparecer tanto em peles mais escuras. Por isso, sombras com acabamentos metalizados são uma ótima pedida, principalmente as sombras cremosas e com silicone, pois elas vão aderir mais facilmente e realçar a coloração. "Cores metálicas como prata, ouro e cobre são ótimas, assim como um como azul, rosa e verde metalizado, dependendo da preferência da pessoa", ensina Itamar.

Agora, para não errar a mão no blush, um dos macetes da maquiagem, devemos levar em conta o tipo de pele no momento de escolhermos. "Para negras amareladas (tom dourado de pele), que são os mais dourados, mais acobreados e com brilho ouro. Em negras rosadas, prefiro os pêssegos e rosáceos", explica o maquiador.

Não adianta aplicar um batom bonito se a sua boca estiver ressecada, por isso, a boca deve estar sempre muito bem hidratada para ficar em destaque. Na hora de escolher a sua cor lembre-se: "tons claros e cintilantes a aumentam, e tons escuros como ameixa e vermelho queimado, e sem brilho a diminuem, devemos levar isso em consideração no momento da maquiagem", conclui Itamar.

Com todas essas dicas não tem mais como errar, não é mesmo?

Por Paula Perdiz

Comente