Como escolher o blush certo para seu tom de pele?

Especialista explica tons e maneiras de aplicar o blush
blush-pele-cor

Foto - Shutterstock

O blush é um aliado potente do make, mas só exerce função máxima se você souber usá-lo da maneira correta. A primeira regra é não exagerar na dose. A segunda é acertar na cor: ela tem que combinar como seu tom de pele

“Para mulheres de pele clarinha, indico os blushes em tons de rosa e marrom claro. Já para peles negras, a aposta é em tons de dourado e marrom. As peles claras morenas podem investir nos tons marrom rosados, café ou vinho”, comenta Ítalo Leite, do Werner Coiffeur. 

Ele ainda explica que o tom de pele negra, por exemplo, fica artificial com tons rosados. Já peles bem brancas, não devem usar blushes em tom terracota e marrons. 

O blush pêssego na pele negra não é dos mais indicados, e sim os tons terracota ou dourados. O batom vermelho pode ser usado sim, desde que mais fechado, puxado para o vinho. A maneira como se aplica o blush também influencia bastante no resultado. 

No rosto redondo a dica do especialista é passar um blush mais escuro no canto externo das maçãs, próximo às orelhas, pois ajuda a afinar. Esfume até o meio do nariz com um tom mais rosado. Já para rostos ovais, o ideal é aplicar o blush com o pincel em cima das maçãs, em direção as têmporas. 

Em rosto triangular, que o queixo é pequeno, passe o blush bem abaixo das maçãs, para marcar bem a face. No rosto quadrado, o blush é aplicado pelo canto extremo das maçãs e finalizado no centro das bochechas”, finaliza Ítalo.

Por Helena Dias


O blush certo para seu tom de pele

Comente

Assuntos relacionados: blush