Vovós vaidosas - elas contam como cuidam do visual

Vovós vaidosas  elas contam como cuidam do visual

As vovós Guiomar Carvalho e Maura Stock Forlani. Foto/Divulgação Clínica Corpo e Cia.

Ao passo que a maturidade traz experiência e sabedoria, os sinais do tempo fazem questão de mostrar isso em todo corpo, principalmente no nosso cartão de visitas. Quem já passou dos 50, 60, 70... sente na pele os avanços da idade, mas nem por isso se deixa abater. Mulheres que já passaram por várias realizações, como casamento, filhos, agora são vovós que se entregam aos procedimentos estéticos e não abrem mão de cuidar da beleza.

A vovó Maura Stock Forlani tem 80 anos, 3 filhos, 7 netos e muita história para contar. "Depois de ficar viúva, isso aos 54 anos, olhei para o espelho e disse para mim mesma: tenho que reagir. Comecei a sair com uma amiga minha, também viúva, e a freqüentar as aulas de dança, e percebi como as mulheres se vestiam bem e se cuidavam", conta. Foi o suficiente para Maura dar uma repaginada no visual. Aos 60 anos, ela começou com algumas aplicações de toxina botulínica, depois peelings e até hoje é freqüentadora assídua de uma clínica de estética.

"Namorei cedo, casei, tive filhos, ajudei a criar os netos, enfim, sempre me dediquei à família. Agora, invisto em mim. E quando saio para dançar, sempre me elogiam", diz.

[galeria]

Toda semana ela está nas pistas de salto alto e não abre mão dos tratamentos de beleza e estética, como máscara de rejuvenescimento, radiofreqüência (para a firmeza da pele) e mesoterapia para redução da papada. "As visitas à clínica significam mais do que um tratamento, muitas vezes transformam-se num evento social, pois se criam laços de amizade", acrescenta Marta Gouvêa, proprietária da clínica Corpo e Cia.

Loira e de olhos azuis, dona Maura se considera uma mulher bonita para sua idade. Tinge os cabelos brancos, faz a manutenção da sobrancelha definitiva e sempre passa no rosto cremes anti-rugas. Quem olha para esta vovó não imagina que ela já passou por vários apertos. Primeiro um câncer de nariz e depois de alguns anos o câncer de mama. "Após 40 sessões de radioterapia não me deixei abater e continuei em frente. Há três anos operei a coluna, mas nem por isso deixo de freqüentar as aulas e aproveitar com meus filhos e netos", conta

E pelo visto a disposição faz parte da família. Sua prima Guiomar Carvalho, 73 anos, é vovó de quatro netos e já fez cirurgia plástica no rosto e abdômen. "Queria diminuir as ruguinhas, tirar algumas marcas do rosto e gostei bastante do resultado, confesso que a cirurgia do abdômen (feita há cinco anos) não era imprescindível, pois meu biotipo é de uma pessoa magra", confessa. Depois de também fazer preenchimento nos lábios, ela mantém a beleza em dia com limpeza de pele e cremes específicos para sua idade. Para manter a boa forma não tem segredo. "Não tenho empregada e ainda trabalho como voluntária. Caminho bastante e cuido da casa, isso já me toma o tempo todo. É assim que consigo queimar várias calorias", brinca.


Sempre que pode, a vovó não abre mão de cuidar do visual. Na sua opinião, um investimento que faz bem para o corpo e a mente. "A idade vai chegando e a gente tem que se cuidar, tem que se gostar", finaliza a vovó. Exemplo a ser seguido neste dia que é só delas!

Por Juliana Lopes

Comente