Tornozelos grossos

Tornozelos grossos

Todo mundo adora uma perna bem torneada e durinha. E uma parte importantíssima do conjunto "perna" é o tornozelo. Grosso ou fino demais, eles viram pesadelo para algumas mulheres. Mas é quando eles formam uma coisa só com a batata da perna, de maneira reta, sem curvinhas, que a coisa complica. Há quem evite saias e sandálias... e realmente esconda o corpo por vergonha.

O equilíbrio estético das pernas femininas depende de três fatores: comprimento, circunferência e forma. A aparência desproporcional fica evidente quando o diâmetro inferior da perna e do tornozelo se aproximam do diâmetro da parte superior. "Em geral, este desenho do corpo é geneticamente pré-determinado. Nesse caso, exercícios físicos e dieta não melhoram esta desproporção", explica o cirurgião plástico Ruben Penteado, diretor do Centro de Medicina Integrada, em São Paulo.

Por outro lado, o tornozelo grosso também pode refletir problemas mais graves. "Eles podem estar relacionados à obesidade, varizes, problemas cardíacos, renais ou metabólicos", alerta o médico. Claro que só uma avaliação profissional pode dizer se o tornozelo reflete um problema. Nos demais casos, geralmente é apenas uma herança genética mesmo.

O aumento dos números na balança influencia no formato dos tornozelos. "Todo o organismo sofre com o excesso de peso. Os tornozelos e pés, por estarem localizados nas extremidades inferiores, sofrem em particular. Além do excesso de gordura, ali existe uma tendência maior de acúmulo de líquidos", comenta o médico. Por isso, uma alimentação balanceada sempre é uma boa opção - e nada de sedentarismo. "Exercícios que melhorem a circulação nos membros inferiores, massagens específicas como drenagem linfática da região, além de alimentos e hábitos que diminuam a retenção de líquidos, podem ajudar nesta desproporção", afirma Ruben.

Para combater "o mal", médicos americanos oferecem soluções que abrangem academias de ginástica especializadas a combater o cankle (uma mistura de calf, batata da perna, com ankle, tornozelo), além de dietas específicas para eliminar gordura na região e até lipoaspiração do tornozelo.

Tornozelos grossos

Angélica. Foto: arquivo MBPres.

Mas será mesmo que há necessidade de lipo no tornozelo? "Na maioria das vezes e, sobretudo nas mulheres, por questões hormonais e circulatórias, o aumento no volume dos tornozelos está mais relacionado a um acúmulo de líquidos que de gordura propriamente dita. Assim, uma lipoaspiração, além de não resolver a questão, pode, pelo traumatismo e edema causados, simplesmente piorar o problema ", afirma o Rubem, que é titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Segundo ele, cada caso deve ser avaliado individualmente e a paciente analisada como um todo, para determinar a verdadeira origem do aumento de volume.


Portanto, a não ser que a saúde esteja em risco, não se desespere por ter os tornozelos mais grossos! O mais simples mesmo é conviver com isso e achar maneiras de dar um charme especial aos tornozelos, ao invés de escondê-los.

Por Tissiane Vicentin (MBPress)

Comente