Testes em animais: 193 empresas cruelty-free

Conheça empresas brasileiras que NÃO testam seus produtos em animais.
testes em animais

Foto: iStock_suemack

Os testes em animais são uma prática muito antiga, mas que vem ganhando cada vez mais rejeição ao passar dos anos. Isto porque, diariamente, porquinhos-da-índia, camundongos, coelhos, macacos, entre outros animais são utilizados pelos cientistas para testes de medicamentos, vacinas, cosméticos e até produtos de limpeza.


O mais triste de toda essa indústria é que, depois de tanto sofrimento, os bichos que participam das experiências geralmente são sacrificados após o estudo. Por esses motivos, algumas pessoas estão simplesmente deixando de consumir produtos de marcas que utilizem animais nos seus testes.

Se você também quer fazer a sua parte e não sabe como, vale a pena conferir a iniciativa do Projeto Esperança Animal (PEA). O projeto listou uma série de marcas que não fazem testes em animais, ou seja, marcas cruelty-free.

“Esse compromisso formal, analisado sob a legislação brasileira, garante um certo conforto de que as empresas declarantes realmente não testam em animais. Uma declaração desse tipo, se fosse falsa, poderia gerar muitos transtornos para a empresa, respondendo inclusive por crimes contra o consumidor, propaganda enganosa, etc.”

testes em animais

Foto: iStock_Zwilling330

A lista não considera a composição dos produtos, ou seja, pode ser que as empresas usem um ou mais ingredientes de origem animal. Confira neste link quais são essas marcas e consuma à vontade! Dica: veja aqui quais marcas internacionais testam (ou não) seus produtos em animais.

Por Thamirys Teixeira

Comente