Tatuagem e sol - não esqueça o protetor!

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
Tatuagem e sol  não esqueça o protetor

Fez a sua primeira tatuagem há pouco tempo e está querendo aproveitar o final do verão curtindo o final de semana na praia? Saiba que a exposição das tatuagens ao sol deve ser evitada, pois as cores da tatuagem podem modificar ou desbotar. De acordo com a dermatologista Carolina Marçon, a exposição à radiação solar faz com que a tatuagem perca a cor e o brilho. "O sol causa uma reabsorção dos pigmentos, o que deixa a tatuagem com aspecto desbotado e envelhecido. Além disso, todo pigmento é fotossensível, então, quanto mais o local da tatuagem ficar exposto à luz solar, mais risco de ela não se preservar", explica.

Por isso, o ideal é usar protetor solar de amplo espectro UVA/UVB, de preferência com propriedades minerais, que contenham dióxido de zinco e óxido de titânio - estes fazem barreira física à radiação. "As queimaduras solares podem modificar muito a coloração da tatuagem.

Os cuidados para quem fez tatuagem há pouco tempo devem ser ainda mais intensos", complementa a médica explicando que o mais indicado é passar uma camada grossa do produto, sem esquecer que e o mesmo deve ser reaplicado a cada duas horas.


Por Paula Perdiz

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente

Assuntos relacionados: verão tatuagens tatuagem