Lipo de alta definição - acabe com a barriguinha extra

Lipo de alta definição  acabe com a barriguinha ex

Sabe aquela gordura localizada abaixo do umbigo, que formam aquela barriguinha sobressalente que incomoda até mesmo os mais disciplinados? Pois bem, ela está com os dias contados. Isso porque uma nova técnica conhecida como lipo de alta definição promete eliminar aquela gordura acumulada que nem os exercícios físicos conseguem queimar, garantindo o abdômen perfeito.

De acordo com o cirurgião plástico, Mauro André Arguello, o método é aconselhável para pessoas que praticam atividades físicas e estão próximas do peso ideal e que, por algum motivo, não conseguem atingir as curvas desejadas. "O médico terá o papel de escultor das curvas, como em uma lipoaspiração normal, o resultado é inacreditável", explica.

A técnica foi criada por médicos americanos e, inicialmente, atraiu a atenção do público masculino, por agir detalhadamente na região do abdômen, proporcionando uma barriga sarada ao paciente. Mas, a eficiência do método foi tão grande que, hoje em dia, já caiu no gosto das mulheres que estão em busca da silhueta perfeita, mas que não conseguem atingir os resultados desejados apenas com a prática de exercícios físicos regulares.

Gostou da dica e quer procurar um profissional para realizar o procedimento? Siga as dicas do Dr. Arguello e garanta o sucesso da sua lipoaspiração.

Check-up prévio - os exames são considerados imprescindíveis para a boa realização da cirurgia como: hemograma completo, urina, eletrocardiograma e radiografias e outros que são escolhidos de acordo com o procedimento e a idade do paciente;

Recuperação - o pós-operatório é fundamental para o bom resultado de sua intervenção, levando-se em conta o tempo de repouso, que será determinado pelo cirurgião, a medicação, que é feita com cicatrizantes, antiinflamatórios e analgésicos;

Onde fazer - escolha hospitais que possuam em seu centro cirúrgico, a infraestrutura para resolver qualquer tipo de complicação, é importante ter UTI.

Mudança de hábito - a alimentação deve ser balanceada, com muitos legumes, carnes e líquidos, e lembre-se que esta não é a hora de fazer dieta e, sim, de recuperar as vitaminas, proteínas, sais minerais e potássio, perdidos no momento da cirurgia;


Manutenção - drenagem e o ultrassom são itens importantes para ajudar na eliminação do inchaço e retenção de líquidos e serão os responsáveis em recompor o sistema linfático, comprometido após a cirurgia;

Olho aberto - desconfie sempre de preços milagrosos.

Por Paula Perdiz

Comente