Feira de tatuagem só para mulheres

Feira de tatuagem só para mulheres

Foto: Larissa Alvarez.

Hoje em dia as mulheres se destacam em todas as profissões. Mas em algumas, que tem a característica de serem dominadas pelos homens elas ainda precisam lutar pelo seu espaço, como é o caso das tatuadoras. No último fim de semana, essas mulheres se reuniram em Santos, São Paulo em uma feira sobre tatuagem totalmente voltada para elas, a Tattoo Girls.

A organizadora do evento, uma das pioneiras da tatuagem no Estado, Mallu Santos, conta que normalmente nos eventos de tatuagem é muito difícil ver mulheres expondo e por isso quis dar essa oportunidade para as profissionais que ainda enfrentam diversos problemas como, por exemplo, o preconceito. "Quando comecei, em 1990, o preconceito era muito maior, inclusive com quem apenas tinha tatuagem. Hoje em dia ainda existe, mas é bem mais aceito."

A feira veio com o objetivo de deixar as mulheres mais seguras com o seu trabalho no meio de tantos homens, e parece que foi aprovada já que a ideia é fazer com que o encontro seja anual.

Além de novidades para profissionais, tatuagens sendo feitas por todos os lados, quem foi também pode conhecer e até obter ajuda de ONGs femininas, como a Mulher Viva, que de acordo com a sua coordenadora nacional, Naiá Duarte, dá todo o apoio para mulheres que sofrem com a violência doméstica. "Viemos participar a convite da Mallu, já que muitas tatuadoras sofrem violência. Estamos aqui para dar todo o suporte."

Feira de tatuagem só para mulheres

Stand da ONG Mulher Viva e tatuadora Tatiana Alves. Fotos: Larissa Alvarez.

Beleza

A tatuagem sempre foi uma maneira de expressão. E se há algum tempo os desenhos tinham mais rebeldia embutida, hoje existe também o desejo apenas de "decorar" o corpo. As mulheres tem usado e abusado do recurso. É o que conta a tatuadora Tatiana Alves que está abrindo um estúdio voltado somente para mulheres. "Elas já estão fazendo mais tatuagens que os homens. Como fazem desenhos pequenos, logo querem fazer outros e outros. Por isso acabam voltando sempre, ao contrário dos homens que escolhem tatuagens maiores e não voltam para fazer outras."

Tatiana que tatua há um ano conta que começou na área fazendo maquiagem definitiva, como as pessoas gostavam do seu trabalho pediam para que ela começasse a fazer tattoos. "Uma hora resolvi fazer, fiz curso e agora estou montando o estúdio."


Sempre bom ver as mulheres conquistando seu espaço em todas as profissões!

Por Larissa Alvarez

Comente

Assuntos relacionados: tatuagens tattoo tatuagem