Dermatite: cuidados à flor da pele

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+
rosto dermatite

Primeiro a coceira, depois a pele fica vermelha, inchada, aparecem bolhas que engrossam a pele. E a coceira permanece ali, insuportável, bem que você tenta parar, mas é impossível e você continua coçando, coçando e cada vez mais a pele fica irritada, podendo até infeccionar.

Esses são os sintomas do eczema, mais conhecido como dermatite, que pode ser de contato ou irritativa. A primeira se manifesta após a exposição constante ou o contato direto da pele com substâncias às quais o organismo apresenta sensibilidade.

Segundo a dermatologista Juliana Neiva, “ela ocorre quando a pessoa é alérgica e o organismo tem uma predisposição a reagir mal a determinado agente químico, presente em produtos de limpeza como detergentes, sabão em pó, lustra-móveis, luvas de borracha, bijuterias e jóias, cosméticos, esmaltes, removedor para unhas, hidratantes, entre outros”, esclarece.

Já a dermatite irritativa ocorre pela ação agressora de algumas substâncias químicas fortes, como: ácidos, formol, soda cáustica, entre outros “irritantes”, que podem provocar reação inflamatória. “A diferença é que a inflamação será observada somente na região exposta ao produto químico. Ela não se estende pela mão”, compara a dermatologista.

  • Facebook
  • Pinterest
  • Twitter
  • Google+

Comente