Conheça a Vinoterapia

Conheça a Vinoterapia

Foto: divulgação/ Espaço Be

Já foi comprovado que tomar vinho com moderação faz bem à saúde, pois agora é a vez do vinho nos tratamentos estéticos. Você já deve ter ouvido falar na Vinoterapia, pois saiba que ela pode ser facial e corporal e promete combater os radicais livres, amenizar os efeitos nocivos das agressões diárias, contribuir pela manutenção da firmeza da pele e promover revitalização.

Pensa que acabou? O tratamento desenvolvido à base de complexo peptídico associado aos polifenóis do vinho é calmante para a pele e por isso funciona como anti-inflamatório, acelera a cicatrização de feridas, age como um "limpador" dos radicais livres, defendendo a pele contra a poluição e radiação solar e promove a elasticidade do tecido, criando uma aparência mais jovem. Ufa! Haja benefícios!

O Espaço Be, em São Paulo, é um dos locais que disponibiliza o tratamento. De acordo com a massoterapeuta Vanessa Costa, ele deve ser realizado antes da exposição solar, para garantir efeitos ainda mais positivos. "A pele precisa descansar e "se proteger", já que eliminamos toda camada superficial que já estava velha e obstruía os poros". Por isso, o ideal é que a exposição solar aconteça depois de três dias, assim a pele estará pronta sem o risco do aparecimento de manchas. "Mas é importante ressaltar que mesmo com o tratamento, o uso do protetor solar é indispensável", conclui Vanessa.

Além dos banhos vínicos, a Vinoterapia também envolve outros produtos feitos à base de uva que estimulam a pele para que ela fique com aparência rejuvenescida. Os cremes utilizados nas esfoliações e massagens durante o tratamento atuam na proteção do colágeno e elastina, pois em suas composições, além do óleo da semente da uva, também são utilizados a polpa e a casca da fruta, ricos em polifenóis. O tratamento é feito a quatro mãos, ao mesmo tempo duas profissionais cuidam do rosto e corpo.

[galeria]


O tempo para notar os resultados varia de pessoa para pessoa. De acordo com o Espaço Be, cada pele responde ao tratamento de uma forma diferente. Por isso antes de começar o tratamento a pessoa passa por uma avaliação, mas o ideal para melhores resultados é que o tratamento seja feito uma vez por semana durante um mês. Cada sessão custa R$ 390.

Comente