Conheça a pílula da juventude

O Silício Orgânico está presente no nosso organismo e tem ação regeneradora e reestruturante da pele, remineralizadora dos ossos. Além disso, é considerado um agente antienvelhecimento natural para as paredes das artérias, pele e cabelos. Ele contribui também para reforçar as células do sistema imunitário.

Devido ao envelhecimento, entre os 25 e 60 anos, ocorre um decréscimo de até 80% do silício na pele e nas artérias, deixando essas estruturas mais finas, e frágeis. A reposição do silício se torna então importante, e tem como principal função desintoxicar e restabelecer as funções vitais do organismo, reequilibrando a comunicação celular, amenizando o prejuízo com a perda natural desse mineral, devolvendo até 40% da firmeza e tonicidade da pele, reduzindo a flacidez e fortalecendo cabelos e unhas.

Essa reposição é realizada pela ingestão diária de cápsulas manipuladas. Ao final de três meses de tratamento já é possível ver os benefícios como a pele mais firme, unhas mais resistentes e cabelos mais brilhantes e com bulbos capilares fortalecidos.


O uso do medicamento deve ser iniciado após os 30 anos de idade, quando começa a redução do silício. A formulação deve ser feita por um médico. Mas não é qualquer silício que é absorvido pelo organismo. A dosagem e as associações com outros princípios ativos vão depender da avaliação médica.

A Dr. Daniela Graff é dermatologista, colunista sobre saúde da pele.

Comente