Como depilar os pelos curtinhos?

Depilar os pelos curtinhos

Foto: Corbis

É sempre desagradável querer ir à praia, usar uma blusa mais cavada ou shorts e se deparar com aqueles pelos curtinhos, que estragam qualquer look. Para você aproveitar o sol e os dias quentes sem esquentar a cabeça, veja abaixo algumas dicas de depilação.

A lâmina sem dúvidas é o método mais rápido e prático, capaz de depilar os pelos curtinhos. Acontece que ela apenas corta o pelo, não tirando pela raiz. Ou seja, cresce mais rápido.

Quem tem os depiladores elétricos sai na vantagem. Tão práticos quanto à lâmina, o grande benefício é que eles, sim, tiram os pelos da raiz, semelhante a cera. Significa que sua depilação vai durar mais.

Outra forma de arrancar esses pequenos indesejáveis é com a pinça. Claro que você vai precisar ter um tanto de paciência e até pedir ajuda a alguém, no caso das axilas. Mas esse instrumento também tirar os pelos da raiz e até os encravados.

Em escalas menores de praticidade estão o laser e as ceras. O laser é atraído pelo folículo piloso e depende que os fios estejam mais grossos e escuros do que a pele. O intervalo entre as sessões é mensal e, entre uma e outra, antes que os pelos fiquem bem ralinhos, eles acabam aparecendo.

A cera, seja quente ou fria, exige que o pelo esteja mais comprido para ser retirado. Isso porque os fios têm que aderir e ficar presos à cera. Com os muito curtinhos, isso não acontece.


Mais um jeito é encarar os cremes depilatórios. Eles não têm relação com o comprimento do pelo, no entanto, atuam na camada superficial da pele, dissolvendo a haste do pelo. Portanto, desde que bem aplicados e, é claro, respeitando-se as instruções de uso, eles têm tudo para cumprir o que prometem.

Por Natália Farah

Comente