Banho de beleza para a pele

Cuidados no banho

Até para tomar banho existem alguns segredinhos que podem deixar sua pele mais macia, fresquinha e bonita. Além disso, um bom banho oferece bem estar e relaxamento, fazendo você se sentir num spa! Quer sabe como? Confira abaixo!

Temperatura - evite a água muito quente, que resseca a pele. Tome um banho morno, com temperatura entre 21 e 25 graus, que além de fazer bem para a beleza ainda tem efeito calmante e é recomendado para combater insônia e ansiedade. Uma dica é alternar a chuva entre frio e quente. Uma chuveirada fria e rápida, por exemplo, acelera a circulação. Se for intercalada com água quente (mas não muito), ajuda a tonificar a pele e ganha mais energia.

Óleos - que tal pingar gotinhas de óleos essenciais? Eles possuem conteúdo aromático de plantas e ervas que deixam a pele aveludada. Camomila, cedro, violeta, lavanda e rosa têm efeito relaxante; á baunilha, manjericão, laranja e lima são perfeitos para desestressar; alecrim, bergamota, eucalipto e menta são estimulantes e o sândalo e jasmim têm poderes afrodisíacos.

Sabonetes - sabonetes líquidos são menos nocivos tanto para rosto quanto para corpo, pois aceitam grandes concentrações de substâncias oleosas que agem como poderosos hidratantes, permanecendo na pele mesmo após a lavagem. Os sabonetes em barra tendem a apresentar pH elevado e substâncias cáusticas em maior concentração, eliminando muito do sebo natural e ressecando. Para a área genital os experts recomendam sabonete íntimo, que preserva o pH vaginal.

Para não piorar a falta de água na pele, vale passar sabonete só nos locais que necessitam de uma assepsia caprichada: genitais, axilas e pés. Caso não resista a usar o sabonete em toda a superfície, escolha um que traga ingredientes hidratantes.

Sem esfregação - Esqueça as esponjas ásperas. O esfrega-esfrega altera as condições físicas da superfície da pele e a torna irregular, pois quebra as ligações entre as células. A esfoliação, com bucha vegetal ou cosmético apropriado, é importante para a suavidade da pele, mas faça no máximo uma vez por semana.

Duração - evite ficar horas embaixo da água ou mergulhada na banheira. É preciso manter o manto hidrolipídico da pele e, no cabelo, evita que a cutícula fique aberta e sujeita a ressecamento e frizz. A retirada dessa capa desencadeia problemas cutâneos, como alergias e eczemas, que causam vermelhidão, descamação e coceira.


Termine o ritual com o óleo de banho. Óleos de abacate ou castanha-do-pará, por exemplo, são indicados para peles secas e normais. Já para as peles oleosas, os óleos de amêndoas ou sementes de uva são mais recomendáveis. Ao fim do banho, besunte o corpo molhado com o cosmético, enxágue e remova o excesso com uma toalha seca.

Por Jessica Moraes

Comente